quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

Genealogia de Jesus...

       Genealogia de Jesus Cristo, Filho de David, Filho de Abraão: Abraão gerou Isaac; Isaac gerou Jacob; Jacob gerou Judá e seus irmãos. Judá gerou, de Tamar, Farés e Zara; Farés gerou Esrom; Esrom gerou Arão; Arão gerou Aminadab; Aminadab gerou Naasson; Naasson gerou Salmon; Salmon gerou, de Raab, Booz; Booz gerou, de Rute, Obed; Obed gerou Jessé; Jessé gerou o rei David. David, da mulher de Urias, gerou Salomão; Salomão gerou Roboão; Roboão gerou Abias; Abias gerou Asa; Asa gerou Josafat; Josafat gerou Jorão; Jorão gerou Ozias; Ozias gerou Joatão; Joatão gerou Acaz; Acaz gerou Ezequias; Ezequias gerou Manassés; Manassés gerou Amon; Amon gerou Josias; Josias gerou Jeconias e seus irmãos, ao tempo do desterro de Babilónia. Depois do desterro de Babilónia, Jeconias gerou Salatiel; Salatiel gerou Zorobabel; Zorobabel gerou Abiud; Abiud gerou Eliacim; Eliacim gerou Azor; Azor gerou Sadoc; Sadoc gerou Aquim; Aquim gerou Eliud; Eliud gerou Eleazar; Eleazar gerou Matã; Matã gerou Jacob; Jacob gerou José, esposo de Maria, da qual nasceu Jesus, chamado Cristo. Assim, todas estas gerações são: de Abraão a David, catorze gerações; de David ao desterro de Babilónia, catorze gerações; do desterro de Babilónia até Cristo, catorze gerações (Mt 1, 1-17).
       A genealogia de Jesus, embora de difícil leitura, diz-nos algo de importantíssimo e que faz parte do Credo: Jesus é verdadeiramente homem. Nasce num povo, com história, e está ligado às várias gerações de judeus, de Abraão a David, de Salomão a José, esposo de Maria.
       É uma pertença cósmica, isto é, está ligado ao Povo da Aliança, mas aparecem também, nesta genealogia personagens estrangeiras. Segundo Bento XVI, no recente livro "Jesus de Nazaré - A Infância de Jesus", há também a referência a quatro mulheres, quatro pecadores. Neste caso para indicar que Jesus carrega em si os pecados da humanidade.
       Vem de Deus, mas percorre o tempo, o nosso tempo, encarna numa cultura, numa determinada ocasião, tem raízes na terra, na humanidade, não vem do exterior, mas está profundamente enraizado no povo de Deus, na história, no tempo.
       Como Ele, saibamos também nós encarnar no tempo, na história atual das pessoas e do mundo.

Sem comentários:

Enviar um comentário