terça-feira, 20 de dezembro de 2016

Faça-se em mim segundo a tua palavra

       O Anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia chamada Nazaré, a uma Virgem desposada com um homem chamado José, da descendência de David. O nome da Virgem era Maria. Tendo entrado onde ela estava, disse o Anjo: «Ave, cheia de graça, o Senhor está contigo». Ela ficou perturbada com estas palavras e pensava que saudação seria aquela. Disse-lhe o Anjo: «Não temas, Maria, porque encontraste graça diante de Deus. Conceberás e darás à luz um Filho, a quem porás o nome de Jesus. Ele será grande e chamar-Se-á Filho do Altíssimo. O Senhor Deus Lhe dará o trono de seu pai David; reinará eternamente sobre a casa de Jacob e o seu reinado não terá fim». Maria disse ao Anjo: «Como será isto, se eu não conheço homem?» O Anjo respondeu-lhe: «O Espírito Santo virá sobre ti e a força do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra. Por isso o Santo que vai nascer será chamado Filho de Deus. E a tua parenta Isabel concebeu também um filho na sua velhice e este é o sexto mês daquela a quem chamavam estéril; porque a Deus nada é impossível». Maria disse então: «Eis a escrava do Senhor; faça-se em mim segundo a tua palavra» (Lc 1, 26-38).
       Vivemos em ambiente de Natal. Façamos com que a celebração festiva do nascimento de Jesus não seja uma passagem apenas exterior, mas que a Luz do presépio, onde encontramos Maria, José e Jesus, nos aproxime dos outros, dentro de portas, em nossa casa, com a nossa família e desta paz em família a partilha da alegria com quem encontramos.
       Hoje, com Maria também nós queremos sentir-nos interpelados por Deus. Também nós, como Maria, tenhamos a humildade e a coragem de dizer ao Senhor: faça-se em mim segundo a Tua santa vontade.

Sem comentários:

Enviar um comentário